Fórum | Dúvidas

Outros fóruns    Outros tópicos    Responder este tópico    Pesquisar    Rss    Chat

 

AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por ANÔNIMO em 27/7/2010 15:48:29

Aspas Estou com depressão há dois anos, fazendo tratamento psiquiátrico com uso de remédios.
Os sintomas antes eram os clássicos: vontade de chorar, medo de sair, ausência de vontades, esquecimento com graves lapsos de memória (ex: esquecer em que ano estamos), incapacidade no raciocínio lógico, etc.
Há mais ou menos dois meses e meio, além dos sintomas clássicos, acordei um dia e não tive fome na hora do almoço nem do jantar. Depois disso nunca mais tive fome ou prazer em comer. Estou comendo por obrigação.
Os meus sentimentos também foram embora. É como se eu não fosse mais uma pessoa.
Também não sinto mais sono, mesmo se não dormir por vários dias. Não sinto cansaço apesar disso. As olheiras comprovam que o organismo sente a falta do sono, mas eu não tenho a sensação.
Eu até tenho dormido um pouco, mas é meio de repente, por pouquíssimo tempo e sem nenhuma sensação de sono. E só consegui essas poucas horas de sono depois que substituí o remédio antigo pelo Fenergan, que na verdade é um antialérgico. Só que de uns dias para cá parece que ele não está mais fazendo efeito.
A psiquiatra não disse nada de concreto.
Queria saber se isso é normal na depressão e se demora para passar.
Alguém do fórum conhece outra pessoa que tenha passado por isso ?
Seria necessário algum medicamento especial para esses casos que a psiquiatra não indicou ? Ela se demonstrou totalmente fria diante a minha exposição, como se fosse a coisa mais normal do mundo.
Para mim é horrível, pois me sinto como um ser inanimado.



--------------------------------------------------------
ADRIANA DE LIMA
Profissionais/Outros

6
2,0

RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por ALESSANDRO em 7/1/2006 18:16:33
Esta mensagem foi avaliada com 2,0 estrelas

Aspas

Adriana,


o tratamento para casos como o seu inclui  o uso de antidepressivos e psicoterapia. O tratamento só terá eficácia se combinar essas duas coisas (antidepressivos + psicoterapia). Assim, peça a sua psiquiatra um encaminhamento para a psicoterapia caso ainda não a faça. Quanto ao uso de antidepressivos, eles são importantes e não devem ser abandonados.

--------------------------------------------------------
ALESSANDRO FAZOLO CEZARIO
Psicologia


5
1,0

RE: RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por Anônimo em 18/11/2005 17:40:08
Esta mensagem foi avaliada com 1,0 estrelas

Aspas

Eu já faço uso de antidepressivos, que não funcionaram mesmo sendo mudados várias vezes. Já fiz psicoterapia, que também não teve resultado. Não tenho condições de continuar pagando a psicoterapia por enquanto, mas talvez retome quando puder embora não tenha me ajudado nem um pouco.


Eu questiono muto a psicoterapia porque todos os psicólogos que já frequentei apenas ouvem. Em que isso pode me ajudar? Se for apenas para contar e não ouvir um retorno, posso fazer o mesmo com os meus amigos, e gratuitamente. Será que são os psicólogos que consultei que estão fazendo o trabalho de forma equivocada ou psicoterapia é isso mesmo? 


Obrigada por responder.


--------------------------------------------------------
ADRIANA DE LIMA
Profissionais/Outros


7
2,0

RE: RE: RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por ALESSANDRO em 18/11/2005 20:23:43
Esta mensagem foi avaliada com 2,0 estrelas

Aspas

O tratamento é feito por meio da associação de antidepressivos e psicoterapia. Isso quer dizer que devem ser utilizados ao mesmo tempo e pelo mesmo período. Além disso, deve haver uma adesão ao tratamento mesmo que este mostre-se, a princípio, ineficaz. De outra forma não haverá melhoras.


Por quanto tempo você foi ao psicólogo?

--------------------------------------------------------
ALESSANDRO FAZOLO CEZARIO
Psicologia


5
1,0

RE: RE: RE: RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por Anônimo em 19/11/2005 18:15:29
Esta mensagem foi avaliada com 1,0 estrelas

Aspas Primeiro por quatro meses, depois parei, voltei mais dois meses e meio, parei, fiz mais três meses e parei de novo.


--------------------------------------------------------
ADRIANA DE LIMA
Profissionais/Outros

7
2,0

RE: RE: RE: RE: RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por ALESSANDRO em 19/11/2005 18:28:50
Esta mensagem foi avaliada com 2,0 estrelas

Aspas É pouco tempo de psicoterapia para se obter qualquer resultado. Peça a sua psiquiatra um encaminhamento sugerindo um profissional que trabalhe com Terapia cognitivo-comportamental (TCC) que apresenta resultados mais rapidamente e tem boa aplicação em quadros depressivos.

--------------------------------------------------------
ALESSANDRO FAZOLO CEZARIO
Psicologia

5
1,0

RE: AUSÊNCIA DE FOME, SONO E SENTIMENTOS Imprimir mensagem

enviado por RENATA em 28/12/2013 15:44:14
Esta mensagem foi avaliada com 1,0 estrelas

Aspas Oi Adriana, me chamo Renata.

A alguns anos atrás tive depressão,naquele momento sem nenhuma causa concreta.
Estava indo a uma psicologa me ajudou por que moro sozinha e não tinha com quem conversar o que estava passando, pois muitos não entendem do sintoma.
Mas o quadro foi se agravando, não sentia fome, mas conseguia me alimentar, porem parei de fazer tudo o que gostava de fazer, mal via os meus amigos, ia trabalhar apenas por que precisava, ficava mais tempo dentro de casa, no meu quarto, ao contrario de você dormia horas a fio, os piores sintomas eram não querer cuidar de mim, tipo sair, não queria tomar banho, não queria fazer as unhas, cuidar do meu cabelo, nada e olha que sou vaidosa.
Era engraçada por que o meu sbconciente que mandava eu fazer essas coisas, mas fazia tudo forçadamente.
Até que vi que sozinha não ia conseguir e procurei um psiquiatra, ele me passou um remedio muito bom, chamado triptanol, foi o que foi me melhorando depois dos primeiros 6 meses de uso, mas o meu esforço de melhorar, mas ele me causava muito sonho, nesse periodo até achava bom, por que o que eu mais queria era ficar longe do mundo, continuei tomando ele durante 1 ano e meio, mas ao conversar com o psiquiatra sobre a sonolencia ele não queria mudar estava atrapalhando no meu trabalho.
Encontrei outro psiquiatra que sentou comigo e me explicou tudo, eu achava que a minha depressão era por morar sozinha, minha mae morar distante,nao ter um relacionamento fixo...mas ele me falou que depressão pode ser a falta de uma reação quimica ou alguns fatores externos que apos uma tristeza profunda que não consiga ser revertida rapidamente.
Esse novo medico me passou um remedio chamado Daforin que não me da sono e me ajudou bastante naquela epoca, foram quase 3 anos de sufoco, uma coisa que não desejo novamente.
Eu acho que se eu tivesse morando com minha mãe teria mais apoio sabe por que émutio ruim passar poi isso sozinha.

Hoje me percebi  tendo uma recaida, mas é uma tristeza que começou a prolongar e começei a ter os mesmos sintomas de antes, só que dessa vez eu nao sinto fome, ja emagraci 8 kilos e estou preocupada.

Mas é aos poucos que a gente melhora.Assim espero.



Assine a Newsletter